Investimento Responsável

Investimento Responsável

Na última quarta-feira, (03/03/10), foi formalizada a adesão da bolsa brasileira BM&FBOVESPA ao acordo “Principles for Responsible Investment” (PRI), uma iniciativa das Nações Unidas em prol do investimento responsável. O diretor-presidente da bolsa, Edemir Pinto, formalizou a adesão durante a reunião internacional da cúpula do PRI, que foi sediada no Brasil pela primeira vez.
Entre os participantes da cerimônia estavam presentes o presidente da Previ, Sérgio Rosa, que falou sobre o trabalho do PRI no Brasil, e a Secretária Executiva do Ministério do Meio Ambiente, Izabella Mônica Vieira Teixeira, comentando a posição do País na Conferência de Copenhague.
O PRI representa o compromisso dos grandes investidores e demais agentes do mercado em optarem por negócios sustentáveis na hora de direcionar seus recursos. O programa, de adesão voluntária, consiste em seis princípios que valorizam os aspectos social, ambiental e de governança corporativa, e foi lançado oficialmente na Bolsa de Valores de Nova Iorque em abril de 2006, com a presença do então Secretário-Geral da ONU, Kofi Annan. Hoje, o PRI tem 700 signatários em todo o mundo, com cerca de US$ 20 trilhões em ativos sob sua gestão.
Como signatária do PRI, a BM&FBOVESPA pretende estimular investidores a aderirem ao acordo e as companhias listadas a reportarem suas iniciativas socioambientais. A bolsa foi a primeira no mundo a assinar o Pacto Global da ONU, em 2004, e a criou um dos principais índices de sustentabilidade – o Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE) – que completa cinco anos em 2010.

Inscreva-se em nossa newsletter e
receba tudo em primeira mão

Conteúdos relacionados

Entre em contato
1
Posso ajudar?