Sustentável até o fim

Sustentável até o fim

A preservação e recuperação do meio ambiente agora chega até os cemitérios de São Paulo. A Associação Cemitério dos Protestantes (Acempro), que possui atualmente quatro cemitérios na capital paulista e um em Itapecerica da Serra (SP) adota medidas preventivas para proteger o meio ambiente da contaminação do subsolo e de outras ações, como erosão e desmatamento.
Em todos os seus cemitérios, as coroas de flores e a matéria verde (folhas e galhos) são recicladas, tornando-se adubo orgânico utilizado nos jardins. A pavimentação, por sua vez, é drenante, absorvendo aproximadamente 78% da água precipitada, o que reduz o risco local de enchentes e mantém o lençol freático inalterado. Para evitar as erosões, a Acempro realiza a preservação dos fundos de vales e preservação da fauna e da flora local.
O reuso da água e a retenção hídrica também são ações desenvolvidas. O Cemitério e Crematório Horto da Paz conta com uma estação de tratamento de água e um sistema de reuso. As águas residuárias são tratadas e usadas para irrigação, em vasos sanitários e hidrantes. Já a retenção hídrica é feita com a implantação de poços sumidouros e dos RRVs (Reservatórios de Retardamento de Vazão).
As árvores nativas dos terrenos são preservadas e novas espécies são plantadas – no Crematório Horto da Paz existe um projeto de reflorestamento de uma área de 100 mil m2. Desde o início da execução do projeto foram plantadas mais de 12.000 árvores de diversas espécies nativas da Mata Atlântica, como ipês (roxo, amarelo e vermelho), sibipirunas, anjicos, cedros, jacarandás e jatobás entre outras.
Mais informações:
Fatima Capucci / Thaís Murbach / Fernanda Barrelo
(11) 3068 0042
(11) 6303 9447

Inscreva-se em nossa newsletter e
receba tudo em primeira mão

Conteúdos relacionados

Entre em contato
1
Posso ajudar?