ONU e Veduca lançam curso on-line gratuito sobre Energias Renováveis

ONU e Veduca lançam curso on-line gratuito sobre Energias Renováveis

O Veduca, plataforma de ensino superior on-line que oferece cursos certificados e livres das melhores instituições de ensino do mundo, e a Organização das Nações Unidas para o Desenvolvimento Industrial (ONUDI) lançam o MOOC Energias Renováveis, com certificação pela ONUDI. O acesso ao curso é totalmente aberto e gratuito. Os interessados podem se inscrever e cursar no site do Veduca a partir de 3 de junho.

O curso foi desenvolvido a pedido do Observatório de Energias Renováveis para a América Latina e Caribe, da ONUDI, por um grupo de instituições espanholas formado pela Universidade de Salamanca (USAL), Universidade Politécnica de Madri, Centro de Investigações Energéticas, Ambientais e Tecnológicas (CIEMAT) e pela Fundação Centro de Educação a Distância para o Desenvolvimento Econômico e Tecnológico (CEDDET).

“A carência de profissionais e de cursos voltados para desenvolvimento de energias renováveis é um dos maiores desafios para que a região consiga cumprir as metas de sustentabilidade estabelecidas pela ONU para 2030”, diz Gustavo Aishemberg, representante da ONUDI no Brasil e diretor do Observatório de Energias Renováveis para a América Latina e Caribe. “Nosso objetivo ao oferecer esse programa de capacitação é contribuir para que a região consiga fazer sua parte.”

O programa é destinado a profissionais e estudantes interessados em se capacitar e se aperfeiçoar no tema energias renováveis. Está organizado em 7 módulos: Energia e Mudanças Climáticas, Energia Mini Eólica, O Biogás, Pequenas Usinas Hidrelétricas, Energia Solar Fotovoltaica, Energia Solar Térmica e Eficiência Energética em Edifícios.

O curso também está disponível no site do Observatório de Energias Renováveis da ONUDI. Na plataforma do Veduca, o diferencial é que as videoaulas são divididas em partes e acrescidas de séries de quizzes para que o estudante possa testar seus conhecimentos enquanto assiste ao conteúdo. Cada módulo conta também com uma série de materiais complementares, para que o estudante possa se aprofundar em cada um dos temas.

“O aluno conta com uma série ferramentas para melhorar sua experiência de aprendizagem on-line, como um caderno virtual e o fórum de discussão do curso, onde é possível trocar informações e interagir com outros estudantes”, diz Carlos Souza, CEO do Veduca.

Certificação por módulo

O curso possibilita a certificação, emitida pela ONUDI, Universidade de Salamanca, Universidade Politécnica de Madri, CIEMAT e CEDDET, em cada um dos 7 módulos. O estudante pode optar por se aprofundar e obter o certificado para quantos módulos desejar.

Após acessar o curso e estudar por meio da plataforma do Veduca, os estudantes interessados nas certificações devem realizar uma prova on-line, além de resolver estudos de caso e exercícios. Para mais informações sobre como obter a certificação, o estudante deve acessar o curso no Veduca (www.veduca.com.br/play/7339) e clicar no botão CERTIFICAÇÃO. A certificação é totalmente gratuita.

Sobre o Veduca

No ar desde março de 2012, o Veduca é uma das maiores plataformas de ensino superior on-line do mundo, com mais de 5.700 aulas de 21 das melhores instituições de ensino, como Harvard, Stanford, Yale, MIT, Berkeley, ONU, USP, Unicamp, Unesp e UnB. Desde então, teve mais de 5,6 milhões de acessos, sendo 3 milhões de visitantes únicos. Conta com mais de 390 mil estudantes cadastrados, e cerca de 60 mil seguidores nas redes sociais. Lançou os primeiros MOOCs da América Latina com certificação, em junho de 2013, em parceria com professores da USP e da UnB. Em outubro de 2013, lançou, em parceria com o UniSEB, o MBA em Engenharia e Inovação, primeiro MBA aberto on-line do mundo, cujo conteúdo, baseado videoaulas com alguns dos melhores professores do Brasil, pode ser acessado gratuitamente por qualquer pessoa. O Veduca criou também o conceito Programa de Certificação, um pacote pago de benefícios exclusivos e serviços educacionais para auxiliar os estudantes que desejam obter um certificado válido pelo MEC a cumprir o curso com sucesso. Mais de 16.000 estudantes já acompanham o MBA em Engenharia e Inovação. Em outubro de 2012, a empresa recebeu aporte de R$1,5 milhão de reais dos fundos de investimentos Bolt Ventures e 500 Startups, do investidor-anjo Nicolas Gautier, e da Macmillan Digital Education – parte do Macmillan Publishing Group. Em outubro de 2013, o mesmo grupo de investidores realizou novo aporte de R$1,1 milhão, reforçando sua confiança e satisfação com os resultados da empresa.

Sobre o Observatório de Energias Renováveis para a América Latina e Caribe

O Observatório de Energias Renováveis para a América Latina e Caribe é um programa regional da ONUDI que visa promover a disseminação das energias renováveis na região. O Observatório tem por missão proporcionar assistência aos setores público e privado para a mobilização necessária de recursos técnicos e financeiros. Um de seus pilares estratégicos é o treinamento e a educação de recursos humanos locais como ponto fundamental para o desenvolvimento e ampliação dessas tecnologias na região da América Latina e do Caribe.

Mais informações:

[email protected]

Inscreva-se em nossa newsletter e
receba tudo em primeira mão

Conteúdos relacionados

Entre em contato
1
Posso ajudar?