Naufrágios e Pontos de mergulho de Fernando de Noronha, Recife e Maceió

Naufrágios e Pontos de mergulho de Fernando de Noronha, Recife e Maceió

Como destino de milhares de turistas,  o livro relata paisagens do litoral do Nordeste que vão muito além das praias de areias claras e coqueiros que enfeitam a orla: a costa continental tropical é um berçário natural para uma infinidade de espécies marinhas. O ecossistema da região – de Fernando de Noronha a Maceió – revela cardumes de tubarões de diversos tamanhos, e grupos de seres diminutos e coloridos que vivem junto às inúmeras formações dos corais.

Este cenário é desvendado em multi-ângulos e cores em Naufrágios e Pontos de mergulho de Fernando de Noronha, Recife e Maceió. O livro fotográfico bilíngue é assinado pelo ambientalista José Truda Palazzo Junior, em parceria com o fotógrafo subaquático Fernando Clark e a editora Cultura Sub.

Com patrocínio da empresa Transmissoras Brasileiras de Energia (TBE), o livro subdivide-se em quatro temas: “Fernando de Noronha”; “Recife – Capital dos Naufrágios”; “Mergulhando em Alagoas” e, ao final, o capítulo “Mergulho, Mar e Sustentabilidade – um Chamado à Proteção dos Oceanos”.

Na ilha de Fernando de Noronha, foram capturadas imagens inéditas dos pontos de mergulho do arquipélago, possibilitando conhecer toda a biodiversidade da região.  Em Recife, a expedição se afasta da costa pernambucana em direção à Corveta Camaquã e outras embarcações afundadas, onde é comum avistar grandes cardumes de peixes residentes e outros em migração.

O capítulo “Mergulhando em Alagoas” fala sobre um roteiro de pontos de mergulho para guiar mergulhadores iniciantes ou mais experientes, e ainda faz um alerta à necessidade de  um ordenamento racional, frente ao desenvolvimento do turismo na região, a fim de não ameaçar a preservação dos recifes de corais e as populações do peixe-boi marinho.

Em “Mergulho, Mar e Sustentabilidade”, os autores atentam para as alterações causadas pelos impactos humanos sobre os oceanos. Entre eles, a quase extinção das baleias, que armazenam carbono; e a captura acidental pelo arrasto de fundo, que atinge indiscriminadamente tartarugas, mamíferos e tubarões e é responsável por desequilíbrios em ambientes marinhos de todo o planeta.

Serviço: Lançamento do livro Naufrágios e Pontos de mergulho em Alagoas, Recife e Fernando de Noronha

São Paulo
Data: 30/11, às 19h
Local: Livraria da Vila (Casa do Saber)
Endereço: Rua Dr. Mário Ferraz, 414 – Itaim Bibi – São Paulo

Inscreva-se em nossa newsletter e
receba tudo em primeira mão

Conteúdos relacionados

Entre em contato
1
Posso ajudar?