GESTÃO AMBIENTAL: Programa de Eficiência Sustentável da ThyssenKrupp torna elevadores mais verdes

GESTÃO AMBIENTAL: Programa de Eficiência Sustentável da ThyssenKrupp torna elevadores mais verdes

Há 16 anos, a coleta seletiva integra as ações de gestão ambiental da ThyssenKrupp Elevadores. Separar e dar um destino correto aos resíduos foi o primeiro passo na busca de soluções sustentáveis. Hoje, o programa de gestão ambiental da companhia é bem mais amplo e engloba ações no processo produtivo, no desenvolvimento de produtos ecologicamente corretos e também na área de manutenção de elevadores.
Primeira empresa do setor de elevadores no Brasil a obter a ISO 14001, norma que estabelece as diretrizes básicas para o desenvolvimento de um sistema de gestão ambiental, a ThyssenKrupp Elevadores quer atingir resultados mais satisfatórios.
O objetivo é tornar o ciclo do elevador sustentável com medidas de curto, médio e longo prazos. A partir do Programa de Eficiência Sustentável, lançado em 2009, a empresa traçou como meta diminuir os níveis atuais de consumo de recursos naturais não renováveis e de emissão de CO2, até 2019, na Matriz, em Guaíba, Rio Grande do Sul. Ações nas Unidades de Negócios presentes nas capitais brasileiras também integram o programa.
Na área de produção, além da coleta seletiva, a empresa já realiza a reciclagem de resíduos sólidos, tratamento de efluentes e de esgoto sanitário. Com essas medidas, hoje 100% dos resíduos da fábrica são reciclados ou enviados para locais corretos. Por mês, a empresa soma oito toneladas de material reciclável e 750 mil litros/dia de resíduos líquidos tratados em sua estação que funciona 24 horas/dia.
Iniciativas que envolvem os funcionários também atingem bons resultados. Entre elas, está a reciclagem do óleo de cozinha. Um posto de coleta na fábrica recolhe o material que os colaboradores trazem de casa e que é entregue a uma empresa licenciada para reciclagem.
A coleta de resíduos provenientes da manutenção dos elevadores, em especial o óleo queimado para posterior reciclagem, também é uma prática adotada na ThyssenKrupp Elevadores. O material recolhido é devidamente armazenado e, posteriormente comercializado para empresas especializadas.
Além do óleo, outros materiais como estopas, vasilhames, graxa e solventes, também são separados. Na Unidade Santa Catarina, por exemplo, cerca de 300 quilos/mês de resíduos do processo de manutenção são recolhidos para reciclagem.
A tendência, porém, é diminuir o uso de óleo na manutenção. Elevadores ecologicamente corretos com máquinas sem engrenagem (gearless) e, portanto, sem óleo, já são comercializados pela ThyssenKrupp Elevadores.
Produtos que economizam energia elétrica são outra aposta da empresa, como também a iluminação a LED nos elevadores. A lâmpada desenvolvida pela área de engenharia da companhia é produzida em conformidade com a diretiva européia RoHS, também conhecida como “Lei sem chumbo” (Lead Free).
Livre de metais pesados, a lâmpada a LED economiza até 30% de energia em comparação com as lâmpadas fluorescentes e a emissão de CO2 na atmosfera é 82% menor se comparado com outros tipos de iluminação. As cabinas de elevadores modelo Export da ThyssenKrupp Elevadores já utilizam esse tipo de iluminação.
Mais informações:
www.thyssenkruppelevadores.com.br
Isabel Munhoz Silvares
(11) 2601.7369/8012.6021
[email protected]

Inscreva-se em nossa newsletter e
receba tudo em primeira mão

Conteúdos relacionados

Entre em contato
1
Posso ajudar?