ENERGIA – Martin-Brower e McDonnald's testam biocombustível para abastecer frota

ENERGIA – Martin-Brower e McDonnald's testam biocombustível para abastecer frota

Um importante projeto está em fase de testes para que os caminhões que abastecem os restaurantes McDonald’s do Brasil sejam movidos a biodiesel produzido de maneira inédita no país. Em um processo de logística reversa, os caminhões da Martin-Brower – empresa de Logística e Distribuição para o food service – ao entregar os produtos, recolhem o óleo de cozinha utilizado nos restaurantes da rede.
Esse óleo é levado à sede da Martin-Brower, em Osasco (SP), onde é armazenado e enviado à usina da SP BIO, que faz o processo de transformação em biodiesel. Para fechar o ciclo, o combustível, assim gerado, abastece os caminhões, que fazem as entregas seguintes e recolhem mais óleo para ser usado em uma nova produção de biodiesel. O teste já passou por três fases e, atualmente, cinco caminhões da empresa rodam pelo país com esse biocombustível.
Os testes foram iniciados em junho de 2009 e são liderados pela Martin-Brower e Arcos Dourados, que opera a marca McDonald’s na América Latina, e pela Martin-Brower, fornececedora exclusiva do McDonald´s, envolvendo outras 10 empresas parceiras – MAN Latin América, que representa as empresas Volkswagen, Cummins e Tietê Caminhões e Ônibus; Shell, Thermo King, SP BIO, MWM International e Tek Diesel. A coordenação e consultoria do projeto está a cargo da ATA – Ativos Técnicos e Ambientais.
O projeto começou com um caminhão da Martin-Brower que recolhia óleo de 17 restaurantes para fabricação de biodiesel B20. Atualmente, o número de restaurantes aumentou para 20 e o teste foi estendido para cinco caminhões, sendo quatro abastecidos com B20 e um com B100, ou seja, 100% de óleo de cozinha reciclado.
Anualmente, os restaurantes da rede McDonald’s utilizam cerca de três milhões de litros de óleo de cozinha para a fritura de batatas e empanados, que já vinham sendo recolhidos e reciclados em produtos como o sabão, entre outros. Esse volume, quando destinado integralmente para a reciclagem em combustível, poderá abastecer com biodiesel B40 toda a frota de caminhões que atendem a rede no país.
Para garantir a segurança em todas as etapas do transporte do óleo de cozinha a ser reciclado em biodiesel, foram desenvolvidos especialmente para este projeto galões, chamados de “bombonas”, que se encaixam perfeitamente embaixo das fritadeiras e contam com travas de segurança para evitar o vazamento do líquido. Além disso, essas “bombonas”, com capacidade para 20 litros cada, têm design ergonômico e podem ser empilhadas, facilitando o armazenamento e o transporte no caminhão.
Benefícios à sustentabilidade
Além das vantagens econômicas, o projeto pode trazer inúmeros benefícios do ponto de vista da sustentabilidade. Em primeiro lugar, o projeto só usa óleo de cozinha que já foi utilizado e sua reciclagem ajuda a evitar a contaminação do meio ambiente. Quando descartado indevidamente, cada litro de óleo de cozinha, segundo a Sabesp, pode contaminar até 20 mil litros de água.
A reciclagem para produção de biodiesel também auxilia na redução da emissão de gás carbônico, que provoca o efeito estufa. Como o biodiesel é de origem vegetal, o carbono nele contido foi anteriormente removido da atmosfera pelo processo de fotossíntese das oleaginosas, não aumentando assim o estoque de carbono acumulado no meio ambiente. Já o diesel, cuja origem é o petróleo retirado do subsolo, depois de refinado e consumido nos veículos, libera uma carga nova de CO2.
O uso do biodiesel também reduz a emissão de enxofre, gás tóxico prejudicial à saúde humana, que está presente em teor bem mais elevado na composição do óleo diesel.
Sobre a Martin-Brower
Fundada há mais de 50 anos, nos Estados Unidos é hoje uma das maiores empresas em distribuição logística do mundo, atendendo mais de 9.000 restaurantes da rede McDonald´s, representando 61% do mercado nos EUA. A empresa tem atuação em 6 países nas Américas e está presente também na Irlanda – Europa. Graças aos excelentes serviços prestados foi elevada à condição de maior distribuidor logístico mundial para o sistema McDonald´s. Com vistas a expandir sua atuação, a empresa instalou-se no Brasil em 1982 para atender com exclusividade o sistema McDonald´s e, em 1998 passou a fazer parte do Grupo Reyes Holdings que, com foco na área de distribuição para os mercados de food service e bebidas ocupa a posição de uma das maiores empresas privadas nos EUA, segundo a Revista Forbes.
No Brasil atende também outras importantes empresas, entre eles o Ráscal, Rede Griletto, Applebee´s, All Parmegiana, levando assim serviços especializados e diferenciados para os clientes, como líder em logística e distribuição para o mercado de food service.
Em 2008 a Martin-Brower foi eleita uma das 150 melhores empresas para se trabalhar, segundo o Guia Exame/Você S.A. “As Melhores Empresas para Você Trabalhar” e pelo quarto ano consecutivo uma das melhores empresas em Gestão de Pessoas pelo Guia Valor Carreira.
Preocupada em contribuir com as causas sociais, a Martin-Brower é a idealizadora do Invitational Golf Cup – evento beneficente em prol do Instituto Ronald McDonald, instituição que atua no combate ao câncer infanto-juvenil. Este ano o evento que está em sua sétima edição, acontece em 25 de setembro, no Terras de São Jose Golfe Clube, em Itu (SP) e a Martin-Brower, mais uma vez, é sua principal patrocinadora.
Sobre o McDonald’s Brasil
A marca McDonald’s é líder no segmento de alimentação fora de casa e conta com 577 restaurantes e 60 unidades de McCafé. Há 31 anos atuando no Brasil, a rede está presente em 143 cidades, localizadas em 22 estados e no Distrito Federal. Na América Latina, a marca é operada pela empresa Arcos Dourados, de capital latino-americano e detentora da maior franquia McDonald’s no mundo, com 1.700 restaurantes distribuídos em 19 países da região. No Brasil, foram atendidos 1,6 milhão de clientes por dia em 2009, com faturamento de R$ 3,45 bilhões, que representou um crescimento de 4,8% em relação ao ano anterior. Esses números garantiram a primeira posição em vendas na América Latina e a oitava posição no ranking global da corporação.
O McDonald’s dedica grande atenção aos projetos socioambientais e aos compromissos comunitários. O primeiro restaurante da América Latina, e uma das poucas construções no país a obter a certificação LEED (Leadership in Energy and Environmental Design), concedida pelo U.S. Green Building Council, é o McDonald’s localizado na Riviera de São Lourenço, em Bertioga/SP. No Brasil, entre outras iniciativas, é realizada a “Gincana Bom Vizinho”, um incentivo ao espírito solidário das equipes que desenvolvem ações em benefício do entorno dos restaurantes, e que só em 2009 chegou a mais de 5.500 atividades locais. Além disso, a cultura dos 3R’s (Reduzir, Reutilizar e Reciclar) norteia as políticas de compras, a logística de distribuição e também a operação dos restaurantes, com iniciativas como redução de estoques e de materiais utilizados nas embalagens, coleta seletiva e reciclagem de papel.
Mais informações:
LEAD Comunicação
[email protected]
Tel.: (011) 3168-1212

Inscreva-se em nossa newsletter e
receba tudo em primeira mão

Conteúdos relacionados

Entre em contato
1
Posso ajudar?