EDUCAÇÃO – Curso on-line de sustentabilidade mostra como ações individuais podem promover a sustentabilidade

EDUCAÇÃO – Curso on-line de sustentabilidade mostra como ações individuais podem promover a sustentabilidade

¦ Terceiro filme exibe o que pessoas e organizações já estão fazendo e ainda podem fazer para a construção de uma sociedade mais equilibrada
¦ Foram mais de 50 mil acessos aos dois primeiros capítulos do curso até o final de julho, demonstrando o sucesso do aprendizado sobre sustentabilidade pela Internet
São Paulo, 3 de agosto – O Grupo Santander Brasil – que reúne os bancos Santander e Real – lançou, no dia 31 de julho, o terceiro capítulo do curso on-line de sustentabilidade, disponível no endereço www.bancoreal.com.br/sustentabilidade. O curso, além de conter três vídeos sobre o tema, com opção de legendas em inglês e em espanhol, oferece textos e interatividades. O curso registrou mais de 50 mil acessos aos dois primeiros capítulos até o final de julho.
O terceiro filme, assim como os dois primeiros, usa o personagem “Roberto” para apresentar um novo jeito de ver e agir no mundo a partir da ótica da sustentabilidade. O primeiro vídeo mostra como os aspectos sociais, ambientais e econômicos estão presentes em nosso dia-a-dia. O segundo aborda o conceito da sustentabilidade e suas principais implicações nos negócios, no planeta e na vida das pessoas. No último filme, lançado agora, é demonstrado como podemos reinventar o atual estado do mundo, abrindo portas para a cidadania e para novos negócios e influenciando novos comportamentos.
“Essa iniciativa, acessível a qualquer público interessado, quer mostrar o quanto é importante e oportuno vestir os ‘óculos da sustentabilidade’ e entender as implicações de nossas ações na vida particular e no mundo”, explica Sandro Marques, gerente executivo de Desenvolvimento Sustentável do Grupo.
Após o lançamento do terceiro vídeo, o Grupo Santander Brasil levará a discussão do tema também para dois eventos, que acontecerão dia 11 de agosto no Santander Cultural, em Porto Alegre, e dia 18 de agosto no Instituto Cultural Banco Real, em Recife. Em sessão especial no Cine Santander Cultural, na segunda semana de agosto, Jorge Furtado, cineasta, Eugênio Esber, jornalista, e Sandro Marques promoverão um debate sobre formas audiovisuais de estimular ações ecologicamente corretas, economicamente viáveis, socialmente justas e culturalmente aceitas.
Sobre o “Espaço Real de Práticas em Sustentabilidade”
Em dezembro de 2007, o Banco Real lançou o “Espaço Real de Práticas em Sustentabilidade”, um modelo inédito de colaboração no Brasil, desenvolvido para compartilhar com a sociedade o conhecimento adquirido pela instituição sobre o assunto. A intenção é trocar idéias e experiências entre organizações de diversos setores para que, juntos, o caminho para um mundo sustentável seja encurtado.
Desde dezembro de 2007, cerca de 1870 profissionais representantes de mais de 1000 organizações clientes e fornecedoras, entre empresas, órgãos do governo e ONGs, já participaram do treinamento presencial “Sustentabilidade na Prática: Caminhos e Desafios”, exclusivo para clientes corporativos e fornecedores do Grupo Santander Brasil.
No total, já foram realizadas 20 turmas em diversas regiões do Brasil, (São Paulo, Rio de Janeiro, Recife, Belo Horizonte, Campinas, Vale do Paraíba, Brasília e Porto Alegre). Outras 7 serão realizadas até o final do ano.
O “Práticas” conta com um Conselho Consultivo formado por líderes de diversos setores da sociedade, para avaliar as futuras iniciativas do projeto e dividir o conhecimento para multiplicar ações. Junto com o presidente do Grupo Santander Brasil, Fabio Barbosa, fazem parte do conselho: Rogério Amato (Secretaria Estadual de Assistência e Desenvolvimento Social), Ricardo Young (Instituto Ethos) e Claude Ouimet, vice-presidente da InterfaceFLOR comercial (empresa líder no em sustentabilidade em âmbito mundial). Também fazem parte do conselho clientes como Wilson Ferreira Jr (CPFL), Demorvan Tomedi (Pampex) e Ivo Gramkow (Gramkow Bio Produtos Orgânicos), além de Celina Antunes (Cushman & Wakefield Semco), representando os fornecedores, Alexandre Hohagen (Google), Mario Monzoni (FGV-CES), Helio Mattar (Akatu), Roberto Smeraldi (Amigos da Terra), Valdemar de Oliveira Neto (Avina) e Altair Assumpção (Banco Real).

Inscreva-se em nossa newsletter e
receba tudo em primeira mão

Conteúdos relacionados

Entre em contato
1
Posso ajudar?